OBJETIVO DO BLOG

Este blog tem por objetivo orientar os pais que possuem filhos entrando ou vivenciando a adolescência. De orientar também os professores que lidam com eles diariamente,para que possam compreender suas dificuldades e ajudá-los ainda mais, pois, esta é uma fase complicada na vida dos jovens e, muitos pais e professores não sabem como agir diante de certas atitudes desses jovens. Pais e professores encontrarão aqui informações de médicos, psicólogos e teóricos sobre a educação dos adolescentes.

sexta-feira, 8 de junho de 2012

O DESENVOLVIMENTO MAMÁRIO MASCULINO


Os homens adultos normais não apresentam tecido mamário palpável. Mas, na puberdade, os meninos podem apresentar uma sensibilidade (dor) maior na região das mamas devido ás mudanças hormonais. Podem até ter o volume um pouco aumentado por conta de aumento da taxa de gordura, mas regridem com o tempo e não há nenhuma patologia envolvida.

Mas, em casos muito raros, esse aumento pode progredir. O crescimento unilateral ou bilateral das mamas masculinas recebe a denominação de “ginecomastia” (mamas femininas) e é uma disfunção.
 
                                        bilateral                             unilateral

O volume maior das mamas masculinas dando a elas um aspecto arredondado e feminino, seja em meninos, adolescentes ou homens mais velhos, podem ter várias causas: por acúmulo de gordura, vírus, uso abusivo de bebidas alcoólicas e drogas ou por medicação.

GINECOMASTIA POR ACÚMULO DE GORDURA


A ginecomastia pode surgir na puberdade, na adolescência e na velhice e na maioria dos casos não é patológica. Normalmente regridem espontaneamente, mas se não regredirem a lipoaspiração ou a correção cirúrgica podem resolver o problema.

O que pode acontecer ainda é que, ao tirar a camisa diante dos amigos, os meninos sofram algum tipo de gozação pelo aspecto feminino de suas mamas. Neste caso, vergonha e traumas psicológicos podem impedi-los de frequentar praias e piscinas. Porém, o trauma psicológico é comparável ao da orelha de abano.
(Qualquer que seja a dúvida, procure um médico)

GINECOMASTIA VIRÓTICA

Este tipo de ginecomastia atinge a maioria dos homens com esta disfunção. O volume e formato feminino são fontes de vergonha e inibição, pois em nossa sociedade, os homens têm dificuldade em aceitar o fato, pois consideram-no uma deformidade.

A incessante busca por uma nova medicação eficaz no combate da ginecomastia é grande. Mas, ainda, a opção cirúrgica é a mais indicada.

A ginecomastia por vírus atinge grande parte dos jovens na puberdade entre os 14 e 15 anos. Desaparece com tratamento e no final da adolescência (17 anos). Apresenta uma massa palpável na região mamária que pode variar de 1 a 10 cm de diâmetro. 

Normalmente, ocorre em uma das mamas e pode levar meses ou anos para que a outra mama se desenvolva também. O desenvolvimento simultâneo. sequencial e simétrico é um importante dado clínico.

Mamilos e auréola apresentam raras ou poucas mudanças na cor ou tamanho, embora haja registros clínicos de hipertrofia dos mamilos e de alargamento da auréola. É sensível a apalpação, porém, é considerada uma doença assintomática.
(Qualquer que seja a dúvida, procure um médico)

A GINECOMASTIA POR ALCOOLISMO E DROGAS


O uso abusivo de bebidas alcóolicas e do consumo da maconha (e outras drogas estão sendo estudadas) pelos púberes, adolescentes e jovens tem colaborado para aumento de casos de ginecomastia.  Isto porque causa um aumento do estrógeno e uma diminuição dos andrógenos ou dos seus receptores contribuindo para alterações hormonais provocando essa disfunção.


Ultimamente, a crescente preocupação com os corpos “sarados” tem levado nossos púberes e adolescentes para as academias de ginástica. E na ânsia de obterem resultados rápidos e com menos esforços físicos, uma grande parte deles têm feito uso de esteróides. Essas substâncias causam a ginecomastia porque atuam nos hormônios causando uma alteração e a deformação. A correção é cirúrgica.
(Qualquer que seja a dúvida, procure um médico)

GINECOMASTIA POR MEDICAÇÃO

Sabe-se que os medicamentos para o tratamento de úlceras gástricas, dos tumores da glândula mamária e para alterações hormonais podem provocar nos homens (com idade mais avançada) a ginecomastia. Por isso, exigem rigoroso acompanhamento clínico.
(Qualquer que seja a dúvida, procure um médico)

Fonte:
http://boasaude.uol.com.br/lib/ShowDoc.cfm?LibDocID=3920http://boasaude.uol.com.br/lib/ShowDoc.cfm?LibDocID=3920

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MEUS QUERIDOS

Fiquei muito feliz com sua visita a este espaço que também é seu. para que ele fique melhor e mais do seu agrado, deixe por favor, um comentario, um recadinho ou uma sugestão.
OBRIGADA

Postar um comentário