OBJETIVO DO BLOG

Este blog tem por objetivo orientar os pais que possuem filhos entrando ou vivenciando a adolescência. De orientar também os professores que lidam com eles diariamente,para que possam compreender suas dificuldades e ajudá-los ainda mais, pois, esta é uma fase complicada na vida dos jovens e, muitos pais e professores não sabem como agir diante de certas atitudes desses jovens. Pais e professores encontrarão aqui informações de médicos, psicólogos e teóricos sobre a educação dos adolescentes.

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

CONSELHO PARA OS PAIS



Muitos pais cercam as crianças (de 0 a 10 anos)  de todos os cuidados e demonstram seu afeto continuamente. Porém, depois dessa idade, acham que são grandes e que não precisam mais desse afeto. E acabam largando. No entanto, a puberdade é uma fase em que as demonstrações de carinho, de cuidados e de atenção são muito importantes. Portanto, aqui vão alguns conselhos:

1- CONTINUE EDUCANDO

A educação é importante para que os jovens continuem se desenvolvendo de forma saudável, evita outros problemas e ajuda  a ter um bom desempenho escolar.

2- SEJA AMOROSO

Não evite abraços, beijos e palavras elogiosas. Eles gostam disso e sentem falta quando não recebem essas demonstrações de carinho. Só não o façam na frente dos amigos, pois  sentem-se incomodados e constrangidos.

3- PARTICIPE DA VIDA DE SEU FILHO

Conheça seus amigos, faça programas  envolvendo a todos, participe das atividades e festividade escolares, Seja amigo deles, mas sem invadir sua privacidade.

4- ADAPTE SUA EDUCAÇÃO

Muito do que funcionava antes, agora não funciona mais. Com o crescimento e a maturidade vem uma forma mais racional de pensar. E quando algo não tem sentido, eles reagem bruscamente.

5- COLOQUE LIMITES

Além do amor, os jovens precisam de ESTRUTURA e só a família pode ensinar isto a eles. As regras existem para serem cumpridas. Portanto, continue colocando suas regras e limites, mas seja justo e mantenha sua autoridade com firmeza. Aos poucos, vá liberando as regras que ele já consegue cumprir sem que tenham que serem lembradas. Se falharem, por qualquer motivo, puxe as rédeas novamente por mais algum tempo, e depois, tente soltar novamente. Mostre a eles que a liberdade è algo que se conquista pela confiança.

6- EXPLIQUE SUAS DECISÕES

Todas as suas decisões, regras e limites devem ser explicadas claramente e de forma apropriada para cada idade. Com o tempo e com a maturidade de pensamento as explicações podem ser mais objetivas .

7- DÊ INDEPENDÊNCIA

Querer ter autonomia (fazer coisas sozinhos) não é desrespeito, rebeldia ou desobediência. Ao contrário, é um sinal de maturidade. Cuidar de si mesmo é uma questão de sobrevivência. Portanto, promova algumas saídas como por exemplo, ir comprar uma coisa que você precisa, ir e voltar da escola, atravessar uma rua etc. Aos poucos, vá aumentando a distância.

 8- ENSINE-0S A COLABORAR

O lar é uma pequena comunidade e todos devem auxiliar. Meninos e meninas devem ajudar de alguma maneira no bem-estar comum dessa comunidade, desempenhando algumas tarefas. Algo que seja próprio para cada idade e sobre o qual tenha responsabilidade para que se sinta útil, como cuidar do seu quarto, colocar o lixo para fora, etc. Mais tarde, ele deverá cooperar com os colegas na escola e  no trabalho.

9 - OUÇA AS RAZÕES DELES

Muitos pais acham que só eles devem falar. Dê liberdade para que seus filhos possam dizer o que sentem, quais são as suas dúvidas e preocupações. Perceba o que fazem de bom e elogie (sem medo) e aponte onde precisam melhorar, mas sem brigas, sem discussões e conflitos. 

Um comentário:

  1. Eu tenho 13 anos vou fazer 14 meu penis tem 8 cm. Minha voz e fina. Esta comecando agora a nascer pelugem nas minhas partes genitas meu penis e pequeno e normal?

    ResponderExcluir

MEUS QUERIDOS

Fiquei muito feliz com sua visita a este espaço que também é seu. para que ele fique melhor e mais do seu agrado, deixe por favor, um comentario, um recadinho ou uma sugestão.
OBRIGADA